AUDÍVEL ALDIR

Quando acabou o isolamento social

Uma pandemia de amor se espalhou

E escreveu welcome onde era lockdown

Aldir era audível por todo o planeta

Avisando que o show tem que continuar

As ruas se tornaram palco de todos nós

Para apresentarmos nossa melhor versão

Agora com um só coração e uma só voz

Os que partiram num rabo de foguete

Renasceram em forma de ramalhete

E um jardim de flores de todas as cores

Espalhou a essência do amor no ar

Aquele perfume era a nossa cura

Vacinou a vista, a alma e o coração

Que agora via, sentia e amava

A cada um como a um irmão